sábado, fevereiro 26, 2005

Papa mudo

Alguns sectores das cúpulas eclesiásticas mostraram a sua preocupação acerca da eventualidade de o Papa poder vir a ficar definitivamente impedido de falar devido à sua grave doença.
Segundo eles é fundamental que o sumo pontífice se dirija oralmente aos fiéis.
Ora bem... eu acho que aquele pessoal tem andado desatento aos "discursos" porque o Papa já há vários anos que não fala, limita-se a balbuciar silabas arrastadas durante alguns minutos.
E isto não é uma crítica nem muito menos uma chalaça, é apenas a constatação de um facto.

Até logo, vizinhos.
Vou pra dentro.

Reacções:

0 comentários: