domingo, junho 21, 2009

Premio ao governo Sócrates

Depois da derrota nas eleições europeias e de finalmente ter percebido o descontentamento dos portugueses perante a sua política arrogante virada para interesses de tudo quanto seja criminoso ou poderoso, o primeiro ministro ressurge agora numa postura soft, um misto de "coitadinho" com "foi sem querer, desculpem lá!".
Eu fiquei sensibilizado, confesso.
Tanto que até lhe atribuo um prémio pelo seu desempenho á frente dos destinos da nossa (cada vez mais) triste pátria.

Reacções:

0 comentários: