quinta-feira, março 15, 2007

Cry...

Há quem chore de tristeza, quem chore de alegria, quem chore de dôr... mas isto eu nunca tinha sequer imaginado que fosse possível!

Reacções:

0 comentários: