sexta-feira, julho 20, 2007

Discurso muito elogioso...

Reparem que o orador não se limita aos vocábulos comuns, nem sequer aos adjectivos que existem, ele deixa-se levar pela emoção e, de forma vibrante, constrói um discurso repleto de novidades linguísticas.
Eu fiquei fascinado por este homem verborreico, entretenizante, filarmónico, enfim, um verdadeiro uonechouman enciclopedante!

Para além da avalanche palavrosa deixem-me só realçar esta frase verdadeiramente épica:
"São pessoas que vieram de nada, e hoje não têm porra nenhuma também!"

Resumindo, nunca há um prémio Nobel por perto quando precisamos dele!...

Reacções:

0 comentários: