sexta-feira, maio 26, 2006

Vira logo...

Vira, meu bem.
- Não viro.
- Pô amor, deixa de onda, vira um pouquinho só. Não levo mais de dois minutos.
- Já disse que não. Não insiste, por favor.
- Mas benzinho, eu estou doido de vontade que você vire, faz isso pro maridinho, tá?
- Nem pensar.
- Se você virar agora, depois que eu acabar a gente pode ligar a TV e assistir aquele filme bacana que vai passar. Se você demorar a virar, eu acabo perdendo o começo do filme. Vira logo, meu amor.
- Quer parar com isto e me deixar em paz? Liga logo o diabo da TV e veja o filme, porra.
- Assim não dá, quem esta engrossando é você. Se não virar agora por bem eu vou partir pra ignorância. Pela última vez, paixão, vira logo.
Vou até te dar um beijinho gostoso antes de você virar. (beijo) . Viu como seu maridinho é bonzinho? Vira agora, vai...
- Não adianta me bajular nem também usar violência, só viro quando quiser e agora não quero. Que mania a sua!
É sempre a mesma coisa: acaba antes de mim e ainda fica pedindo pra eu virar. Será que você não tem consideração comigo?
Eu já disse que não viro! Quem mandou acabar antes de mim?
- Mas que diabo! Vira logo a porcaria da página do jornal que eu quero ver a sessão de esportes. Se não virar agora mesmo eu perco a paciência e apago a luz! Aí nem eu nem você!

* Mente suja hein! Pensou o quê?

(recebido por email)

Reacções:

0 comentários: